Explore o mundo
Reabertura do Museu da Imigração

Reabertura do Museu da Imigração

Museu da Imigração

  • Autor: O Mundo Cabe em SP
  • Data da Publicação: domingo, 08 junho 2014. 10:34
  • Categoria:
  • Endereço: Rua Visconde de Parnaíba, 1316 - Brás
0 Shares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Shares ×

Museu da Imigração reabre suas portas depois de quatro anos

Album

Após quatro anos em reforma, o Museu da Imigração estreou seu novo visual no último sábado, dia 31. O local, situado no bairro do Brás, em São Paulo, também mudou seu nome, agora chamado de Museu da Imigração do Estado de São Paulo.

No dia, os visitantes puderam assistir a apresentações e danças típicas de diferentes países, além de um show de Arnaldo Antunes, tudo gratuitamente.

Do lado de fora do museu, era impossível não dar uma olhada na Maria Fumaça. O projeto tenta manter ao máximo a similaridade com a época em que o meio era utilizado, contando com réplicas dos assentos e das vestimentas dos funcionários, que nos apresentam a história durante o percurso. Ao som do apito do trem, o passeio possui cerca de 25 minutos. Os ingressos custam R$ 10, para quem optar pelo vagão de 1950, e R$ 15, para o vagão de 1928, utilizado pela elite dos barões de café.

Foto0196

Próximo ao trem há um espaço dedicado àqueles que quiserem comprar uma foto vestidos com trajes antigos. Uma foto individual custa a partir de R$ 25.

Reforma

O Museu do Imigrante dedicou um espaço para as obras fixas e outro, para as temporárias. Ambos ficaram ricos em ilustrações e vídeos, que falam desde a história do Homo Erectus até a arquitetura e correria dos dias atuais.

Por outro lado, o prédio, que existe desde 1888, manteve os mais de 12 mil itens que já tinham sido doados por comunidades de imigrantes, migrantes e descendentes, de acordo com Marília Bonas, diretora executiva da instituição.

Do lado de fora, há um espaço dedicado à alimentação, onde os visitantes tem a opção de escolher entre salgados e bolos (milho, cenoura ou laranja), além das bebidas.

O custo total da obra foi de aproximadamente R$ 20 milhões.

Fachada-restauro

(do acervo de imprensa do Museu da Imigração)

História

O objetivo inicial da construção do Museu era atrair e hospedar a mão de obra estrangeira para as plantações de café, no final do século 19. O atual Museu do Imigrante já serviu de abrigo para mais de 2,5 milhões de imigrantes, de mais de 70 nacionalidades, entre os anos de 1887 e 1978.

A partir de 1930, a hospedaria passou a funcionar como área de refúgio e de assistência social, atendendo também a migrantes.

O Museu do Imigrante passou a ter esta função em 1995.

Resposta

Ou

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0 Shares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Shares ×