Explore o mundo
Fiestas Patrias Peru

Fiestas Patrias Peru

  • Autor: O Mundo Cabe em SP
  • Data da Publicação: terça-feira, 12 agosto 2014. 12:21
  • Categoria:
0 Shares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Shares ×

Fiestas Patrias Peru apresenta músicas, artesanatos e muita “cerveza” típicas

No último domingo, dia 27 de julho, o Grêmio Recreativo Cultural e Social Escola de Samba Águia de Ouro, na Barra Funda, deu espaço a festa de independência do Peru ou “Fiestas Patrias Perú”. O evento, gratuito, se iniciou às 12h e teve seu término às 19h. Ao entrarem, os convidados receberam broche com o emblema do Peru para que colocassem na camiseta.  

Fonte_FotografiaRVR

Fonte_FotografiaRVR

O espaço foi preenchido por 16 barracas internas e três externas, contendo artesanato e apetrechos típicos, de chaveiros (R$8) a ponchos (R$150), além de uma barraca de agência de viagem com transporte para o país. Porém, a grande maioria das tendas oferecia comidas típicas, como ceviche de pescado (R$15), arroz com pollo y crema huancaína (R$10) e muita “cerveza”.   Um grupo de músicos tocou sons característicos a caráter, com os próprios trajes do país. A organização do evento também reservou um espaço grande para aqueles que quiseram dançar e outro para as crianças.

Fonte_FotografiaRVR

Fonte_FotografiaRVR

  Em cima das várias mesas distribuídas pelo ambiente, as pessoas puderam encontrar diferentes panfletos, dentre eles a letra do hino nacional do Peru. Em um momento inesperado, a música que estava sendo tocada parou. O mestre de cerimônias, então, entrou em cena dizendo algumas palavras, em castelhano, e de repente grande parte dos convidados ficaram em pé e começaram a cantar o hino nacional do país. Não só neste momento o castelhano foi falado, mas em praticamente todo o evento, desde o funcionário que recolhia o lixo até os que serviam a comida.   Segundo a porta-voz do evento, Vera, a Fiestas Patrias Perú é realizada todo ano, apesar de ter parado por um tempo, anos atrás. Para ela, de acordo com dados, a comunidade peruana está crescendo cada vez mais no Brasil, por isso a intenção é de que o evento continue.  

Agradecimentos

Nídia Bomtempo: reportagem

Fotografia RVR: fotografia  

Resposta

Ou

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0 Shares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Shares ×